Meu querido meio irmão #Resenha #RomanceHot #EuAmei

Lá vai a sinopse:

Não é normal desejarmos alguém que nos atormenta. Quando meu meio irmão, Elec, se mudou para nossa casa, eu não estava preparada para lidar com um cara tão idiota. Odiei o fato de ele ter descontado sua raiva em mim porque não queria estar aqui. Odiei ele ter trazido garotas da escola para seu quarto. Mas o que mais odiei foi o modo indesejável que meu corpo reagia a ele. A princípio, pensei que tudo o que ele tinha a seu favor era o corpo musculoso e tatuado e o rosto perfeito. Mas as coisas começaram a mudar entre nós, e tudo teve um desfecho em uma noite inesquecível. No entanto, do mesmo modo que Elec entrou na minha vida, logo voltou para a Califórnia. Passaram-se anos desde a última vez que o vi. Quando a tragédia atingiu nossa família, tive que encará-lo novamente. E, diabos, o adolescente que me deixou louca se tornou o homem que destruiu o resto de sanidade que havia em mim. Senti que meu coração estava prestes a ser partido. De novo.

Primeiro de tudo quero começar EXALTANDO a Penelope Ward. A mulher é incrível escrevendo romance hot, todos os livros dela que eu li eu gostei. TODOS. Mas meu nota 5, meu queridinho é esse.

Como já ta escrito ali na sinopse, Elec é filho do padrasto da Greta, a mocinha do livro. O cara é um CHATO, rabugento, mau educado, ingrato, mas puta merda ele é um tesão. Que coisinha charmosa, gente eu me arrepiava todinha com as cenas desses dois.

Esse livro tem um salto de tempo, que é uma coisa que eu amo e é a marca registrada da Penelope. E também tem um triângulo amoroso em que a gente adora todos os três personagens, e eu fiquei feliz que o personagem ”trocado” teve também um final feliz, e embora eu não goste muito de triângulos amoroso esse não me incomodou.

O livro trás aquele estilo de ”bad boy que se redime” e gente, DÁ SUPER CERTO. A gente passa a entender todos os motivos pelos quais o Elec faz o que faz, a gente vê a Greta amadurecer nesse salto temporal, a gente vê ela infeliz mas ao mesmo tempo desejando que o Elec seja feliz, seja com ela ou não. Esse livro me deixou com uma puta de uma ressaca literária, eu amei a escrita, o livro foi super rápido de ler, e eu acabei ele com o coração quentinhoooooo.

Uma das coisas que eu mais amei no livro também é que ele é narrado todo na visão da Greta e só nos últimos capítulos vemos a visão dele das coisas, mas de um jeito muito diferente, um jeito encantador demais. Esse livro trabalha muito com tensão sexual, e é uma coisa que eu amo, não é um livro so fodafodafodasexosexosexo, é um livro com cenas quentes muito bem construídas, pra ir dormir pensando naquilo, e eu NÃO posso deixar de falar sobre a cena mais picantes do livro, que é a cena do elevador. PUTA MERDA EU QUERO UM HOMEM DAQUELEEEEE, se alguém leu e não achou aquela cena um puta tesão tem que ler de novo.

Por fim, leiam, se apaixonem e durmam com o coração quentinho depois desse clichê que todo mundo ama. Da leitora inútil e bem safada, XOXO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s